Tenda

O desconcerto boliviano

Por Oscar Vega Camacho | Trad. UniNômade — — 1. Ideias tristes originadas de causas ocasionais Os recentes eventos na Bolívia voltam a desafiar como entendemos e nomeamos o que nos acontece na atualidade. Desafia também as maneiras de nos […]

Lamento Boliviano o sobre la otra servidumbre.

Por Jeudiel Martinez Estoy viendo que hasta las publicaciones trotskistas -tan patéticas como tristes- están hablando escandalizadas del golpe en Bolivia. Como hace mucho tiempo los marxistas abandonaron el analisis politico en favor de una especie de moralismo, de un […]

As dobras da política

Por Bruno de Seixas Carvalho — —   Quadrilha   João amava Teresa que amava Raimundo que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili, que não amava ninguém. João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento, Raimundo […]

Liberalismo fora do lugar

Por Bruno Cava, UniNômade — — Causa consternação a presença de ideias liberais num governo de direita? Seria estranho se não estivessem presentes. O liberalismo político e econômico foi uma arquitrave de todos os governos da redemocratização. Liberais e neoliberais […]

O enigma chileno (e o nosso)

(Managua – Nicaragua e Santiago – Chile – nas fotos) Por Silvio Pedrosa Uma questão crucial a ser levantada pelo levante chileno das últimas semanas é bastante familiar para nós, brasileiros, e tem a ver menos com os problemas objetivos […]

Ninguém aguenta mais

  Por Silvio Pedrosa A dinâmica de luzes e sombras do debate público sobre a conjuntura política e institucional no Brasil é sempre muito reveladora. O que é destacado e o que é varrido para debaixo do tapete nas discussões e […]

O disforme e o dizáin… diz aí!

Por Barbara Szaniecki   Pelo facebook, me chega o convite do Gabriel Tupinambá para fazer uma fala sobre o design e o disforme: “não sei se você anda trabalhando muito isso, mas sinto que pro causa do último livro do Giuseppe […]

Os selvagens e os organizados: crônica de um descompasso

Por Silvio Pedrosa Em memória de Gabriel Pereira Alves Será que não nos cansaremos de ver todas as mobilizações autônomas serem desfiguradas até se transformarem numa caixa de ressonância do que o lulismo quer? Mais do que isso: não nos […]

A paralisação das demarcações de Terras Indígenas sob o neodesenvolvimentismo da esquerda no poder

A última década foi marcada pela relativização, retrocesso e ataques aos direitos indígenas no Brasil. Em contraste com a década de 2000, e de modo geral com todo período da Nova República que marca a consolidação e luta por efetivação dos direitos garantidos na Constituição de 1988, os últimos anos foram de escassez em termos de demarcação de terras tradicionais, de instabilidade no norte institucional da política de saúde indígena e aumento do número de Projetos de Lei (PLs) que visam atacar os direitos dos povos originários do país.

A moeda entre cinismo e fascismo

A moeda entre cinismo e fascismo (Alt Right)   Giuseppe Cocco   Nesse artigo pretendemos continuar os esforços de reflexão sobre o enigma em que se tornou a política no Brasil depois de junho de 2013, assim como fizeram Bruno […]

Página 1 de 7212345...Última »

Mostrar
Ocultar