UniNômade

A quarta margem do rio?

A quarta margem do rio? Uninômade Brasil, 15 de setembro de 2021   «Nosso pai não voltou. Ele não tinha ido a nenhuma parte. Só executava a  invenção de se permanecer naqueles espaços do rio, de meio a meio, sempre dentro da canoa, para dela não saltar, nunca mais. A estranheza dessa verdade deu para […]

Leia Mais
UniNômade

O incêndio do Brasil

  Giuseppe Cocco   Esse artigo foi escrito em 2019*, antes da pandemia, da amplificação dos incêndios florestais na Amazônia e no Pantanal e do incêndio da Cinemateca de São Paulo. Porém, foi escrito depois da destruição do Museu Nacional e da quebra das barragens de Mariana e Brumadinho. O incêndio do Brasil tem tudo […]

Leia Mais
UniNômade

A Convenção do Chile e o árduo desafio de ser constituinte e reinvenção, não ilusão

  Salvador Schalvezon O cenário constituinte constrói um discurso que implanta e performa a institucionalidade republicana. É o momento em que o sistema jurídico atual discute e estabelece sua regulamentação formal. No caso do Chile, uma nova constituição tentará substituir a aprovada durante a ditadura de Pinochet, que também tem reformas posteriores realizadas na democracia. […]

Leia Mais
Destaques UniNômade

Sobre Cuba e as sanções

Jeudiel Martinez   O “bloqueio” é uma metáfora: não há uma frota americana isolando fisicamente a ilha do mundo. Depois da crise dos mísseis, os Estados Unidos desistiram de cercar Cuba e, após o fim da guerra fria, o que fizeram foi radicalizar as sanções, não isolar a ilha: Bloqueio é um cerco naval, um […]

Leia Mais
UniNômade

Lutas indígenas: um diálogo entre lideranças e a universidade

Por Giulia da Silva Soares Publicado originalmente em Pragmatismos     No último dia 9 de abril aconteceu a aula pública do Departamento de Introdução à Ciência Política e Sociologia da Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Nacional de Córdoba (Argentina) sobre práticas políticas de funcionários, associações, partidos e cidadãos, mediada pela professora Cecilia Carrizo. […]

Leia Mais
UniNômade

A luta contra o trabalho escravo na favela

Dra. Silvia Pinheiro Coordenadora do Centro de Pesquisa em Escravidão Contemporânea BRICS policy center , PUC – RJ[1].   Historiadores reportam que durante o século XVIII e em parte do XIX, aproximadamente, hum milhão de africanos desembarcaram no Rio de Janeiro, precisamente, no Cais do Valongo. Direcionados aos armazéns de engorda, venda ou cemitérios de […]

Leia Mais
UniNômade

O progressismo nú nas eleições equatorianas

Fabio Luis Barbosa dos Santos[1] Em 7 de fevereiro, foi disputado o primeiro turno das eleições presidenciais no Equador. Dentre os candidatos que se apresentaram, três foram competitivos. O jovem economista Andrés Arauz, de 37 anos, representa o correísmo, versão equatoriana do progressismo latino-americano. Guillermo Lasso é um banqueiro e político das antigas, que representa […]

Leia Mais
UniNômade

BRASIL: Eleição 2020 e os obstáculos a Bolsonaro

Altamir Tojal, jornalista O olhar do mundo da política está em 2022 tentando interpretar e projetar o resultado da eleição municipal. Houve uma demonstração de cansaço do eleitor com a radicalização política e a polarização entre bolsonarismo e lulismo. A partir daí especula-se sobre uma frente do centro vitorioso e a renovação da esquerda. E […]

Leia Mais
UniNômade

Juventude moderna na Nigéria

Laura Burocco[1] Tradução de Fabíola Ballarati Chechetto[2]   #EndsSARS Generation. O movimento de protesto nigeriano liderado pelo movimento feminista que explodiu no mês passado contra as violências do odiado Esquadrão Especial da polícia nigeriana exprime uma questão que parece incorporar a voz de todos os jovens africanos: o direito à própria modernidade. Lagos, 17 de […]

Leia Mais
UniNômade

BRASIL: Eleições 2020 e as chances da democracia

Altamir Tojal, jornalista Embora a tradição eleitoral no Brasil não autorize projetar com segurança para a política nacional os resultados de eleições municipais, o primeiro turno realizado neste domingo confirmou a expectativa de inflexão da polarização entre bolsonarismo e lulismo. Além disso, mostrou sinais de renovação na esquerda e de fortalecimento de forças de centro, […]

Leia Mais
X